quinta-feira, 10 de janeiro de 2008

As preferidas

As músicas são as trilhas sonoras da vida. Você está alegre? Aquela música alto astral é perfeita. Amando? Tem tantas romanticas lindas! Depre? Dor de cotovelo? Pronto, ouve um sertanejo, um pagode ou uma música melosa. São trilhas ideais. Cada momento o ritmo certo. A música é uma terapia, uma forma de expressão, na minha opinião claro. Existem tantas letras e melodias nesse mundão né?

Mas todos temos as nossas músicas preferidas. Eu tenho duas. A primeira, e minha eterna paixão, é E eu sei que vou te amar de Vinicius de Moraes. Meu filho vai se chamar Vinicius por causa dessa música. Desde a primeira vez que ouvi achei a declaração de amor mais linda de todas! É meio triste eu sei. Ando muito sentimental nos últimos dias. Culpa do especial do Leandro e Leonardo (conto essa história depois).

Outra música que amo é uma do Chimarruts, uma banda de reggae de Porto Alegre/RS. Deixa que corra serve como um mantra quando estou triste. Só começo a cantar essa música melhoro. Calma, não saiu berrando a música, só me imaginar cantando já adianta. Na verdade todas as músicas do Chimarruts me fazem ficar melhor. Algumas são muito alto astral.

Viva a música Brasileira. Viva os sons que deixam nossas vidas mais mágicas. As trilhas sonoras da vida ao som de um violão, com uma voz boa ou não, com uma melodia lenta ou rápida.

________________________________________________

Para vocês ficarem ligados nas músicas que citei, seguem as letras :)


Eu sei que vou te amar - Vinicius de Morais

Eu sei que vou te amar
Por toda a minha vida eu vou te amar
A cada despedida eu vou te amar
Desesperadamente
Eu sei que eu vou te amar

E cada verso meu será pra te dizer
Que eu sei que vou te amar
Por toda a minha vida

Eu sei que vou chorar
A cada ausência tua eu vou chorar
Mas cada volta tua há de apagar
O que essa ausência tua me causou

Eu sei que vou sofrer
A eterna desventura de viver
A espera de viver ao lado teu
Por toda a minha vida



Deixa que corra - Chimarruts


Deixa que corra
Aquele sentimento bom
Que vem de dentro de ti.
Mas se um dia chorar,
Saiba que existem pessoas
Que acreditam em ti.
E olhe pra frente,
Pois há um futuro de luz
Esperando por nós.
E aqui no presente
Lutamos com força
De um vencedor.
Veja a criança
Que brinca e fala
Tudo que sente.
No seu coração
A pureza que toca
No fundo da gente.
Deixa ser,
Que tudo ao natural
Vai acontecer,
Podes crer,
O sopro da vida
Nunca vai morrer.
Mesmo que o tempo trás,
E o mundo faz,
Ficar tão longe.
Se não podes compreender
Ao menos tente ver,
O que se esconde atrás dos montes.
Eu quero te dizer,
Quem fez o sol
Também fez você.
Já é hora de pensar
E não mais viver,
Só por viver.
Eu quero te falar,
Quem fez o céu
Nos faz enxergar.
E o que com olhos
Não se vê,
Mas com o coração
Se pode entender.

Nenhum comentário: