sexta-feira, 28 de março de 2008

Enfim, que fenômenos são esses?

Nos últimos tempos a região sul do país esta ouvindo mais as palavras furação, tornado, tromba d'agua, ciclone, e etc. A região também vem vivenciando mais esses fenômenos climáticos. Antes considerados raros. Efeito do aquecimento global? Até pode ter uma relação, mas o meteorologista Ronaldo Coutinho já afirmou em algumas mídias que em nossa região muitos tornados acontecem, mas existia o medo do uso dessa palavra.

Tornado em Tubarão (SC) no dia 16/02 - Foto: Valdir Zaccaron


A região sul do Brasil é a segunda do mundo em tornados. A passagem constante de frentes frias facilita a formação de grandes tempestades. A proximidade da serra e do mar também.

Há pouco tempo foi lembrado o furacão Catarina, o primeiro do hemisfério sul e que marcou para sempre a metereologia mundial. Foi um fenômeno tão raro que até mesmo muitos metereologistas não acreditaram na previsão. Alguns estudos já apontavam a possibilidade de um furacão na região, mas isso era para daqui alguns anos.

Para finalizar a tromba d'agua registrada em Florianópolis, na praia de Jurere. Outro fenômeno que impressionou os catarinenses, e vários turistas que estavam na região.

Na mesma semana outros dois fenômenos como esse foram registrados no Uruguai simultaneamente.


Mas o que é tornado? O que é o furacão? O que é tromba d'agua?


Eles são fenômenos climáticos. Formados por causa de grandes tempestades no encontro de massas de ar frio e quente. A origem é desconhecida pelos cientistas, mas essas monstruosas colunas podem carregar uma energia equivalente a de uma bomba atômica de 20 quilotons. O

O furacão é uma grande tempestade e uma forma de nomear intensos ciclones tropicais, sendo este último um termo genérico para um centro de baixa pressão (tempestade). Ele se forma sobre os oceanos, provocando ventos de até 300Km/h. Normalmente, possui entre 450Km e 650Km de diâmetros e a distribuição do vento e das nuvens ao seu redor é igual. Em seu centro, conhecido por "olho da tempestade", em que predominam as baixas pressões, não há chuva, os ventos são brandos e o céu é praticamente limpo. Essa tempestade é chamada de Furacão quando ocorre no oceano Atlântico e de Tufão, quando acontece no pacífico.

Ele atinge uma grande área, traz muita chuva, vento, granizo e dentro dele pode se formar tornados. O furacão não tem o formato de fúnil como tem um tornado, por isso não pode ser visto. É fortalecido quando a agua do oceano está mais quente e ao tocar a terra perde força e pode se dissipar.


O furação somente é detectado nos mapas metereologicos. O furacão catarina (foto) foi classificado na categoria 2.


Já o tornado é visto a olho nú. Eles são os mais destruidores de todas as perturbações atmosféricas, mas a área afetada é limitada. Ele é uma coluna ondulante de nuvens em formato de funil que se desloca a uma velocidade de 30km/h a 60km/h. Ele ocorre com a chegada de frentes frias, em regiões onde o ar está mais quente e instável. Estima-se que a velocidade do vento dentro do funil possa atingir 450km/h ( o cálculo por meio de instrumentos é inviável, porque eles são destruídos pela força da tempestade ). Os tornados mais intensos costumam acontecer no centro-oeste dos Estados Unidos e na Austrália.

Tornados geralmente tem um tempo de vida de alguns minutos e raramente duram mais do que uma hora. São menores que os furacões e seu tempo de vida também. Um tornado pode ter uma largura tanto menor do que 30 metros, quanto maior do que 2,5km. Os menores tornados são denominados mínimos e os maiores de máximos. Um mínimo irá durar não mais do que alguns minutos, deslocar-se um quilômetro e meio e ter ventos com velocidade de 160km/h. Um máximo pode deslocar-se 320km ou mais, durar até 3 horas e ter ventos com velocidade superior a 400km/h. O tornado percorre um caminho muito irregular. Quando o funil toca o solo, ele pode mover-se em linha reta ou descrever um trajeto sinuoso. Ele pode até duplicar-se, pular lugares ou formar vários funis. Quando acontecem no mar, são chamados de tromba d'agua.


Classificação / Velocidade do Vento(km/h) /
Danos



F0 - até 110 km/h - Leve

F1 - 111-180 km/h - Moderado

F2 - 181-250 km/h - Considerável

F3 - 251-330 km/h - Severo

F4 - 331-420 km/h - Devastador

F5 - 421-510 km/h - Inacreditável

F6 - 511-610 km/h - Fora de Série



CURIOSIDADES:


Ciclone mais devastador: O pior ciclone de que se tem conhecimento ocorreu em 12 de novembro de 1970 no Paquistão Oriental , quando morreram entre 300 e 500 mil pessoa . Foram registrados ventos de até 240km/h e uma onda de 15 m de altura atingiu a costa do Paquistão Oriental, o delta do ganges e as ilhas do Bhola, Hatia,kukri mukri e manpura.

Mais número de mortos em um tornado: Um tornado que atingiu Shaturia , Blagladesh, a 26 de abril de 1989, matou em torno de 1.300 e desabrigou 50 mil pessoas.

Maiores danos materiais por um tornado: Uma série de tornado que atingiu os estados de Indiana, Wisconsin, Illinois, Iowa, Michigan e Ohio, nos EUA, em abril de 1985 , matou 271 pessoas , feriu milhares de outras pessoas e causou prejuízos de mais 400 milhões.

Maios número de desabrigados por um tufão: O tufão "Ike", com ventos de 220Km/h, que atingiu as Filipinas a dois de setembro de 1985, matou 1363 pessoas, feriu 300 e deixou 1,12 milhões de desabrigadas.

Maior número de mortos em um tufão: Cerca de 10 mil pessoas morreram em virtude de um tufão, com ventos de até 161Km/h, que atingiu Hong Kong em 18 de setembro de 1906.


Fonte: http://www.bodas.hpg.ig.com.br/Viagens/1/index_hpg.html

5 comentários:

Querubina disse...

Gostei da explicação que aqui colocaste, fiquei a perceber melhor o assunto, porque se fala nas alterações climatericas, mas ninguem perde tempo a explicar o que são.

Excelente fim de semana

Beijufas de Luz!!

Ki disse...

Muito interessante o seu blog!
Parabéns!
Ki Fornari

Magalices disse...

Obrigada Ki! Tentei retribuir mas não tens blog.

Visite sempre :D

Bjo

Anônimo disse...

desculpe, mas isto de tromba d'agua e tornado serem a mesma coisa ta errado... tornado é quando o funil é feito de vento... tromba d'agua é quando é feita de água...

Anônimo disse...

Por que nao:)