terça-feira, 9 de junho de 2009

Mamãe "queria" esse genro: Jonny Deep

John Christopher Depp II, esse é o nome do genro que mamãe não queria de jeito nenhum. Ela permite no máximo ficar umas duas vezes. Por que isso? Ele viveu a maioria da sua juventude em seu apartamento tocando guitarra e experimentando drogas variadas. Essa vida, fora dos padrões ditados pela sociedade, começou logo depois do divorcio dos seus pais, quando ele tinha 15 aninhos. Já crescidinho ele passou o rodo (vários romances) e foi preso algumas vezes. Inclusive por suspeita de assalto e porte de drogas. Entenderam o medo de mamãe? Mas neste caso vou ter que contrariá-la.

Depp iniciou na TV em “Anjos da Lei”. No cinema seus personagens são geralmente bizarros. E ele consegue continuar gato na maioria dos papéis. Não sei como consegue. O primeiro filme foi o longa “A Hora do Pesadelo”, em 1984. Mas o sucesso veio com o conhecidíssimo “Edward Mãos de Tesoura”. E “Piratas do Caribe” não seria o mesmo sem Depp. Quem não riu muito e se apaixonou por Jack Sparrow? A dúvida que não quer calar: como ele consegue ficar tão lindo de pirata?

O ator de personagens bizarros não ganhou nenhum prêmio por causa de suas interpretações, mas vive provando que seu talento é enorme. E a beleza também. Mamãe vai brigar comigo...

3 comentários:

Namorada em crise disse...

aff. deixa querida... mamãe não liga....eu faço esse sacrificio e fico com ele.....

PutzGraça!!! disse...

Preferimos o Stalone. Gatésimo!!!!!

Kellen Rodrigues disse...

Esse mamãe não queria, não... ela trocaria ele pelo wagner moura haha

bj