terça-feira, 24 de novembro de 2009

Os errados são sempre os mais interessantes

Uma amiga desabafou no msn: "só me encarno nos errados". O que respondi foi: "Sabe qual o problema? Os errados sempre são os mais interessantes". Não sei se isso acontece com você, mas comigo quase sempre. Tenho um faro para esse tipo de cara que nem eu acredito. Na real tenho para outro estilo também, mas deixa prá lá.

Por que os errados são tão interessantes? Já dizia Arnaldo Jabor na Crônica do amor: "Ninguém ama outra pessoa pelas qualidades que ela tem, caso contrário os honestos, simpáticos e não fumantes teriam uma fila de pretendentes batendo a porta. O amor não é chegado a fazer contas, não obedece à razão. O verdadeiro amor acontece por empatia, por magnetismo, por conjunção estelar. Ninguém ama outra pessoa porque ela é educada, veste-se bem e é fã do Caetano. Isso são só referenciais. Ama-se pelo cheiro, pelo mistério, pela paz que o outro lhe dá, ou pelo tormento que provoca. Ama-se pelo tom de voz, pela maneira que os olhos piscam, pela fragilidade que se revela quando menos se espera."

Mas como definir o homem errado? Sinceramente, homens são errados. Você acredita numa coisa e eles em outra. Você enxerga a vida de uma maneira e ele de outra. Enfim, homens e mulheres são diferentes e pronto. O caminho é encontrar quem tem os defeitos mais toleráveis. Ou quem, acima de tudo, te faça feliz. Existem muitos errados nada dispostos, e só os dispostos se atraem. Os opostos se distraem. A saída é aproveitar esses gatos errados que aparecem, você sempre aprende alguma coisa da relação que viver. Até que um dia, o seu erradinho aparece e pronto. Tudo fica tranquilo.

Existe como fugir de errados? Sim, vire lésbica. Mas cuidado para não ficar com alguma super macho, ela pode ter um comportamento masculino demais. Ou fique sozinha. Caso eu não encontre meu errado preferido, vou seguir o segundo conselho.

Um comentário:

Prii disse...

Acho que essa é uma das maiores dúvidas do Universo Feminino. No meu caso, eu gosto de caras errados pq sempre procuro ir pelo caminho mais difícil, estou sempre atrás dos desafios e adoro vencer um obstáculo. Os certinhos são cansativos e monótonos... Mas chega uma hora em que ficar com porras-loucas acaba não sendo mais a melhor idéia, como na hora em que desejarmos construir uma família... Mããããs, como tô longe disso, vou continuar procurando os caras errados! Rs. Beijão