segunda-feira, 15 de março de 2010

Ctrl C, Ctrl V: Nenhum vencedor acredita no acaso

Quem disse a frase "Nenhum vencedor acredita no acaso" foi Friedrich Wilhelm Nietzsche, filósofo alemão, em 1844-1900. Pelo jeito, algumas coisas da vida sempre foram iguais desde o começo. Mas o texto que vou colocar aqui é do Luiz Antonio Silva, palestrante e diretor da PHAROL-RH. Sempre recebo textos dele e adoro todos. Esse em especial combina muito com a segunda-feira, afinal de contas começa mais uma semana e temos a chance de fazer tudo de novo e diferente em alguns casos. Não costumo dar Ctrl C e Ctrl V, mas esse texto merece.

Se visto pelo angulo espiritual o verdadeiro homem de bem é aquele que pratica a lei de justiça, de amor e de caridade em sua maior pureza. Se interroga a consciência sobre seus próprios atos, pergunta a si mesmo se não violou essa lei; se não fez o mal e se fez todo o bem que podia; se negligenciou voluntariamente uma ocasião de ser útil; se ninguém tem o que reclamar dele; enfim, se fez aos outros tudo o que gostaria que se fizesse para com ele. 

No sentido sentido profissional o homem de bem não acredita no acaso porque conhece o caminho árduo e difícil que trilhou. Sabe que escalou montanhas de obstáculos, venceu abismos de dificuldades, e com isso aprendeu que tudo na vida tem um sentido, por isso ele hoje dá um sentido a tudo na vida. As experiências vividas ajudou ele a descobrir que vencer na vida é mais que um simples pódium, e fica feliz por ter como prêmio ter amadurecido no labor da batalha.

Portanto amigos, acreditem que nada obedece uma fatalidade, a não ser a lei da evolução.Tudo em nossa vida é um convite para ser transformado com responsabilidade e muito trabalho!

Um comentário:

disse...

Realmente, muito bom o texto. A vida é assim: Com luta, todos podemos ser pessoas boas. Beijos!