segunda-feira, 31 de agosto de 2009

Cuidado com algumas frases...

Lendo a revista Gloss de maio encontrei uma GlossLista bem interessante. Existem algumas coisinhas que nós (meninas) sempre queremos observar. Só que nem sempre a abordagem é a correta, e isso notamos logo em seguida. Mas dizem alguns livros por aí que falar em códigos nem sempre é a melhor maneira. Homens não nos entendem por isso, temos a mania de falar algo mas querer dizer outra coisa. O negócio é ser direta mas usar um jeitinho, sacas? Por exemplo nessas seis frases:

As que causariam confusão:

1. Eu avisei! Eu avisei!
2. Já gozou!?
3. Fico pronta em cinco minutinhos, juro!
4. Você nunnnnnnca me ouve.
5. Não esquece o casaco.
6. Você está dirigindo rápido demais.

As alternativas interessantes e sem stress seriam essas:

1. Aaaah, essas coisas acontecem mesmo...
2. Amor, eu quero mais!
3. Já estou pronta, só falta o batom.
4. Quanto é que tá o jogo?
5. Vem cá que eu te esquento.
6. Hoje em dia a gente precisa dirigir pela gente e pelos outros, né? O trânsito tá tão louco!

Pois bem, fica a dica.

A vida é tão frágil

Esse final de semana fui a um lugar que não gosto muito, no cemitério. É raro eu ir até lá por alguns motivos, o principal é que não me sinto bem. Talvez porque ali eu lembro que a vida é tão frágil? Pode ser. Mas nesse final de semana eu fui. Não fui me despedir de alguém querido, nem visitar o túmulo de alguém, apenas fui acompanhar uma amiga até um velório. Fiquei lendo uma revista enquanto minha amiga se dirigiu até a capela e foi abraçar a amiga que perdeu o marido. Depois de um acidente de moto, dias na UTI, ele não resistiu. Deixou por aqui a família, a mulher, um filho recém nascido e uma enteada. Uma triste partida, principalmente para quem ficou e que deve pensar: "Ele foi embora cedo demais".

Não desci do carro, mas mesmo assim acabei chorando. Como? Nesse tempo um jovem homem sentou ao lado do meu carro e chorou algumas vezes. Com as mãos no rosto perguntava em meio a soluços: "Por que Deus? Por quê? Por que ele? Por que agora?" Era uma dor, uma angústia, tantas dúvidas e tanta certeza de saudade. Chorei, porque também já passei por isso. Todos passam por isso, dizer adeus dói demais. Aproveitei e rezei, pedi para Deus iluminar aquele jovem que chorava, as pessoas que sofriam aquela perda e quem tinha partido. Também pedi para que eu tenha força para encarar isso tudo quando for a minha vez de chorar. E pedi para que eu saiba aproveitar o tempo que tenho por aqui. Pensar que a vida é frágil demais também dói, e pior ainda é pensar que muitas vezes deixamos as coisas para depois. E quem disse que o depois poderá chegar? A vida realmente é o hoje, o agora e o momento.

sexta-feira, 28 de agosto de 2009

Manual da mulher resolvida

O que é ser mulher resolvida? Bom, eu defino assim: ela sabe o que quer, saber agir conforme a necessidade para conseguir o que quer e ao mesmo tempo não deixou de lado o jeito mulher de ser. Continua agindo com a emoção, mas a razão aparece com mais força em algumas situações. E isso vale, claro, para os relacionamentos. Acredito que essa evolução acontece aos poucos e com as experiências vividas conforme o tempo passa. Mas vale assistir o filme "Ele não está tão afim de você". Sempre recomendo isso, só para lembrar como a vida é mais prática do que parece.

Enfim, escrevi isso tudo como forma de introdução para o texto recebido por e-mail. Mais algumas dicas que devem ser analisadas e vividas no dia-a-dia feminino. Conforme diz a parte final do e-mail: são dicas para as mulheres resolvidas e para os homens não tão resolvidos assim. Com a chegada do final de semana, hora de badalar, elas são muito bem-vindas. Vamos a elas:


Quando o cara quer ele liga
É isso mesmo! Quando o cara quer, não tem projeto importante, morte de tiaou trânsito maluco queo impeça de convidar você para sair.

Passou uma semana sem ouvir notícias dele?
Esquece, parte prá outra! Ligar para saber se está tudo bem, nem pensar! Homem perdido merece ser encontrado morto no apartamento e pelo zelador do prédio, porque os vizinhos não aguentam mais o fedor de carniça... (hahaha) (vale dizer que ficar só esperando o cara ligar não vale, demonstrar interesse é bom também)

Vocês saíram e ele não ligou mais?
Foi por que você cedeu? Ou por que não cedeu? Na verdade, pouco importa. Se ele estava a fim desexo e rolou, ótimo! Sexo é que nem pizza: bom-até-quando-é-ruim... Mas se você não cedeu, ele provavelmente não procurou mais porque achou que ia dar muito trabalho... Ou seja, pare de se atormentar porque transou ou não!!! (resumindo: não rolou química ou o cara não está afim de você.)

Duas lições
Dar uma de difícil depois de uma certa idade, já era!!! Ridículo mesmo é fazer tipinho. E, além do mais, você vai se arrepender de ter cedido e de não ter cedido...

Homens comprometidos diga não
A relação dele está em crise? Péssimo!!! Só falta oficializar o fim? Ótimo! Se ele quiser continuar infeliz, dane-se! Senão, ele termina de uma vez e, depois, procura você, combinado?

Ouviu aquela clássica: "Você é boa demais para mim"
Acredite, amiga! É mesmo. Descarte o cidadão e pare de bancar a Madre Tereza de Calcutá.

Não tente
Não dá pra namorar um cara pelo qual você não tem um mínimo de admiração.

Traição
Não continue com um cara que chifrou você... você não vai aguentar a onda de ser traída de novo. E olho vivo se ele já foi infiel com outras. A gente sempre acha que com a gente vai ser diferente...Esqueça, nunca é.

E lembre-se: a fila anda
Pior do que nunca achar o homem certo, é viver pra sempre com o homem errado. O homem que não dá assistência abre concorrência e perde a preferência.
Ter uma certa teoria faz bem na hora da prática. Mas não vale exagerar, pois a vida não tem um manual. E se tivesse nem teria graça. Há, e nem todas as pessoas são iguais, nem as situações e etc.

Onde está Matt?

A história é mais ou menos essa: o Matt largou o emprego e fugiu de casa. Com o dinheiro da saída do emprego começou a viajar. Em uma dessas paradas pelo mundo um amigo deu a idéia dele fazer uma dancinha de sua autoria e gravar. O vídeo foi publicado na internet e virou sucesso. Depois, uma empresa resolveu pagar um pequeno passeio de volta ao mundo e lá foi Matt dançar em vários lugares. O vídeo mais uma vez foi parar na internet o que resultou em muitas trocas de e-mails, mensagens e trocas de histórias. Então, Matt resolveu mochilar mais uma vez por aí e gravar a dancinha com as pessoas que ele conversava pela internet.

E toda essa aventura resultou em vídeos como esse:


E também resultou em uma das mais interessantes aventuras. Aposto que muitos já pensaram em conhecer o mundo, sair por aí viajando, sem parada e sem rumo. Eu queria, só me falta a coragem, força de vontade de buscar verba e planejar tudo. Com certeza seria uma aventura e tanto.

Quer saber mais sobre a história do bailarino da aventura? Acessa o site oficial do Matt.

quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Música por um só objetivo: a paz

Buscar a paz através da música, essa é a idéia do projeto Playing for change: Peace Through Music. Músicas interpretadas por cantores de todos os cantos do mundo, principalmente de regiões onde acontecem conflitos. Foram mais de 100 pessoas filmadas que mesmo estando separadas por quilomêtros fazem um som harmonioso. Os idealizadores do projeto são Mark Johnson e Jonathan Walls. O resultado? Um documentário maravilhoso. Você pode conferir um pouco neste vídeo da música One Love, do rei Bob Marley.

Mais informações sobre o projeto no site: http://playingforchange.com/ e mais vídeos no You Tube.

Música de quinta: Paralamas do Sucesso - A lhe esperar

Fazia tempo que eu não ouvia algo novo dos caras, mas depois de quatro anos os Paralamas do Sucesso lançaram um disco de inéditas. Na internet desde o começo de fevereiro e nas lojas de Cds do país desde o final do mesmo mês, o álbum Brasil Afora tem 11 faixas inéditas. Os caras afirmam que depois do acidente com o Herbert Vianna em 2001, esse é o CD que tem mais a cara da banda. Eles voltaram com um som mais alegre e a tradicional mistura de rock, reggae e ska.

Sobre o álbum ser disponibilizado primeiro na internet, eles informaram em uma matéria para a Folha Ilustrada que não sabem porque isso aconteceu. Houve um acordo com a gravadora que possibilitou ouvir o álbum na internet, a faixa "O Palhaço" foi feita exclusivamente para a rede e o disco foi colocado a venda por R$ 23 ou R$ 1,99 por faixa. Sobre baixar música da internet o baixista da banda, Bi Ribeiro, disse que não vê problemas nos downloads de música. "Eu não acho que baixar música seja pirataria porque quem gosta de disco acaba comprando mesmo. Pirataria é baixar e vender ele na esquina. Ter acesso eu acho muito bacana, democrático e ótimo pra música."

Mais uma vez o vídeo oficial não pode ser incorporado, mas publico aqui uma versão que a galera fez para a internet. O clipe oficial você pode ver clicando aqui.


quarta-feira, 26 de agosto de 2009

Você sabe quanto tempo o homem gasta olhando para as mulheres?

Todo mulher adora definir modelitos, comprar roupa nova, estar antenada com a moda e também criar um estilo próprio. Algumas pesquisas dizem que nos vestimos para outras mulheres, por causa da tão conhecida concorrência feminina. Acho que isso não é uma inverdade, afinal de contas quem nunca comentou a roupa da coleguinha ao lado? Só que tenho a teoria que também nos vestimos para os homens. A busca da conquista, de aparecer atraente e mostrar que somos as fêmeas ideais. A maquiagem evidência as partes mais atraentes e femininas do rosto. O baton para os lábios, destaque aos olhos e o blush para dar uma cor e aparência de saudável. Cabelos longos são sexys, decotes, cintura bem marcada, uma calça colada ou uma saia linda para completar. Tudo harmonioso e mostrando as medidas.

É meninas, tratem de cuidar do visual porque os meninos adoram ficar olhando para nós. Eles gastam 44 minutos do seu dia olhando para uma fêmea. Durante o ano são 11 a 12 dias observando a beleza feminina. E para finalizar, entre os 18 e 50 anos de idade o homem gasta um ano de sua vida reparando em pernas, bundas, seios... Essas informações são conclusões de uma pesquisa feita pela Kodak na Inglaterra. Já, nós meninas, gastamos apenas 20 minutos do nosso dia olhando para os homens. E também temos a tendência de olhar para o rosto do menino. Quer saber mais? Acesse esse vídeo narrado pelo escritor Xico Sá e publicado no Portal da MTV.

Reclamação:
Enquanto nós mulheres continuamos na eterna busca por uma bela aparência, por parecer bem aos olhos masculinos e principalmente aos nossos olhos, alguns homens relaxam demais. Já repararam como a proximidade dos 30 anos "embaranga" os meninos? Barriguinha de chopp é a campeã no estrago. Alguns dos tops da adolescência chegam aos quase 30 sendo os monstrinhos. Ei meninos, que tal cuidar um pouco mais da "lata" heim? A mulherada agradece.

terça-feira, 25 de agosto de 2009

Músicas, e voz rouca, do meu dia-a-dia

O que mais faço durante o dia é ouvir música. Sempre aparece algo diferente para ouvir. Uma dica aqui, uma notícia de um som novo lá. Tem dias que as preferidas são as músicas da vez, simplesmente aquelas músicas que adoro. Mas uma coisa muitos dos sons que escuto tem em comum: a voz rouca. Podem ser as femininas da black music, do soul ou do pop. Ou as masculinas do rock, do hiphop, do soul... simplesmente adoro. Exemplo disso é John Mayer e a música que vou postar aqui hoje.

Baixe três livros de Paulo Coelho gratuitos na internet

O escritor que as pessoas amam ou odeiam fez aniversário de 62 anos neste segunda-feira. E para presentear seus leitores disponibilizou três livros para download gratuito. Basta acessar o blog oficial de Paulo Coelho e baixar os livros. São três opções de leitura: O Caminho do Arco, Histórias para os Pais, Filhos e Netos, e a coletânia de textos escritos para a internet (os quais acompanho sempre) no Guerreiro de Luz.

No Caminho do Arco, Coelho aprofunda ideias como o esforço do cotidiano, a superação das dificuldades e a coragem para tomar decisões arriscadas. As histórias que compõem o segundo livro citado são relatos baseados em lendas e contos tradicionais de diferentes culturas.

Os livros estão disponíveis em três línguas: Português, Francês e Inglês.

Fonte: Blog Infosfera

segunda-feira, 24 de agosto de 2009

Música de segunda: Miri Ben-Ari - Sunshine to the rain

Uma música para iniciar bem a semana, esse é o post de hoje. Miri Ben-Ari é a responsável pelo hiphop violinist. A moça manda muito bem no som e você pode conferir no vídeo abaixo. Em parceria com Scareface and Anthony Hamilton , ela arraza na música Sunshine to the rain.



Para ouvir outras músicas da Miri Ben-Ari acesse http://www.myspace.com/miribenari.

sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Viver a vida da melhor maneira

O que você faria se descobrisse que tem apenas mais um ano de vida? Eu faria tanta coisa. Inclusive vivo pensando se o que estou fazendo está certo e se realmente é o que quero. Afinal de contas, viver a vida da melhor maneira é a melhor saída. No filme O amor pode dar certo (Griffin and Phoenix) Henry Griffin (Dermot Mulroney) tem um câncer terminal e decide viver a vida ao máximo. Nessa nova fase ele conhece Sarah Phoenix (Amanda Peet) em uma aula sobre a morte na Universidade de Nova York. Os dois viram parceiros de aventura porque ambos não tem muito tempo.
Dai a pergunta: por que deixar para viver tudo o que quer só quando você tem a certeza que o tempo está acabando? Você já parou para pensar que essa incerteza é algo real em sua vida? Naturalmente o certo seria você morrer velhinho, mas nem sempre isso acontece. O negócio é aproveitar e ser feliz. Assista o filme e entenda. Confira o trailer. Ah, o filme faz chorar.



Meu quarto, meu cantinho sossegado no mundo

Quando criança o meu quarto era apenas um espaço onde eu dormia e dividia com a minha irmã. A decoração era conforme o gosto da minha mãe, assim também como a hora de dormir. Oito horas eu tinha que estar deitada. Dizia ela que o motivo era a aula cedinho no outro dia e a quantidade de sono recomendada para as crianças. Depois veio a necessidade de dormir em quarto separado. Eu queria meu lugar e não um onde minha irmã também tinha poder. Aos poucos o cantinho foi sendo só meu. Minha decoração, minhas fotos, minhas coisinhas e o lugar onde eu fugia dos problemas do mundo. Onde eu ficava fazendo planos, pensando nos meninos, estudando, chorando por causa dos meninos, ouvindo pagode dor de cotovelo por causa das dores de cotovelo, onde lia, onde dormia e onde ainda escrevia meus segredos nos diários.

Hoje meu quarto é ainda mais o meu cantinho sossegado no mundo. Ele tem tudo conforme meu gosto. Os móveis, os quadros, a cama, os jogos de cama, as velas, as fotos, minha cadeira de praia e todos os itens decorativos. Quando você divide apartamento com amigaos parece que a importância desse espaço aumenta mais e mais. Existe sala, cozinha, sacada.. mas é no quarto que você fica a maioria do tempo. Ele tem que ter sua cara, boas energias e ser o lugar onde tudo fica tranquilo. Assim é o meu. Já chorei, já sorri, ainda escrevo minhas coisas em um diário, tenho minha mesa de trabalho, imagens dos meus amigos, não escuto mais pagode e também não estou com dor de cotovelo atualmente. Na verdade faz tempo que não sinto isso. O sol me acorda toda manhã e o brilho da lua também aparece por aqui à noite. Meu livros fazem viajar, meus fimes assisto aqui, minha conversas com Deus antes de dormir e o agradecimento por acordar bem também acontecem aqui. Ainda falta uma cor na parede, mais algum enfeite super legal para finalizar a decoração. Mas, sem dúvida, esse é meu cantinho especial.


É assim que ele está...

quinta-feira, 20 de agosto de 2009

A verdade nua e crua, coisas de relacionamento

O que fazer para conquistar um gatinho? O filme The Ugly Truth (A verdade nua e crua) mostra várias dicas e também tráz de volta a tradicional guerra dos sexos.

Vale lembrar mais uma vez que príncipe encantado não existe, nem a princesa. Isso é coisa de conto de fadas. Mas Abby Richter (Katherine Heigl), a protagonista de toda a estória, não sabe disso. Ela é produtora de um programa matutino sobre relacionamentos e vive a eterna procura ao Sr. Perfeito. Como ele não existe, seu eterno estado civil é solteira. Até que aparece Mike Chadway (Gerard Butler) com a promessa de despejar a verdade nua e crua sobre o que faz os homens e as mulheres balançarem. Legal né?

Para ter uma idéia do que o filme mostra assista ao trailer aí:

Música de quinta: Little Joy - The next time around

A pausa dos Los Hermanos fez muitos fãs ficarem desesperados. Mas os frutos produzidos por seus integrantes também agradam. Rodrigo Amarente, por exemplo, faz um ótimo som com a Little Joy. Formada inicialmente por ele, o "stroke" Fabrizio Moretti e a norte-americana Binki Shapiro, namorada de Moretti, o grupo lançou seu disco em 2008. Fez turnê internacional, abriu shows e também já tocou aqui no Brasil. O disco traz 11 faixas entre elas algumas lembram o som dos Los Hermandos, outras os Strokes, e todas são ótimas.

Fica a dica. Com vocês, eles:

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

Homens e mulheres, quanta diferença...

Claro que vocês sabem que homens e mulheres são diferentes. Se não sabem leia "Eles são de Marte e elas de Vênus", já é um bom começo. Nós pensamos diferentes, enxergamos diferentes, temos comportamentos e prioridades diferentes.

Ou inicie lendo esse texto que recebi por e-mail. Já ajuda um pouquinho.


DICIONÁRIO MASCULINO

Estou com fome = Estou com fome.
Estou com sono = Estou com sono.
Estou cansado = Estou cansado.
Queres ir ao cinema? = Queres dormir comigo?
Posso convidar-te para jantar? = Queres dormir comigo?
Posso telefonar-te? = Queres dormir comigo?
Concedes-me esta dança? = Queres dormir comigo?
Bonito vestido! = Que decote! Queres dormir comigo?
Pareces tensa, deixa-me fazer-te uma massagem = Queres dormir comigo?
Estou chateado = Queres dormir comigo?
Amo-te = Quero fazer amor contigo agora.
Eu também te amo = Agora.... vamos fazer amor?
Vamos conversar = Quero mostrar-te como sou uma pessoa profunda e talvez queiras fazer amor comigo.
Queres casar comigo? = Não quero que faças amor com outros.
Gostei mais deste = Agarra num vestido qualquer e vamos embora para casa para fazermos amor.


DICIONÁRIO FEMININO

Sim= Não.
Não= Sim.
Não sei= sim
Talvez= Não.
Sinto muito= Vai ser como eu quero.
Nós queremos= EU quero.
Faça como quiser= Você vai pagar muito caro por isso.
Precisamos conversar= Quero me queixar de você.
Vá em frente= Não quero que você vá.
Não estou chateada= Lógico que eu estou chateada.
Seja romântico, apague as luzes= Estou me sentindo gorda.
Esta cozinha é meio desajeitada= Quero uma casa nova.
Quanto que você me ama?= Eu fiz algo de que você não vai gostar de saber.
Estarei pronta em um minuto= Tire os sapatos, escolha um canal de TV e relaxe.
Estou gorda?= Diga que eu estou bonita
Você precisa aprender a se comunicar= Concorde sempre comigo.
Não estou gritando! = Estou berrando!

Quarta do sofá: Orkut pode causar problemas no relacionamento

Orkut é mania de brasileiro, isso ninguém pode negar. Por aqui esse site de relacionamento faz muito sucesso. Você encontra amigos, conhece pessoas e se aproxima dos meninos (as) que você quer ficar. "Uma forma de aproximação 'casual'. Você vê a menina na festa, acha ela bonita e já vai procurar o orkut dela. Dai se a pessoa for segura de si tudo bem, mas se for ciumenta o orkut só atrapalha", explicou o estudante de Publicidade e Propaganda Pedro Prá.

Assim como facilita a aproximação ele pode acabar com ela ou com algum relacionamento. Por exemplo: Você resolve dar aquela espiadinha no orkut do gato (a) e acaba encontrando um recadinho que nada lhe agrada. Isso já deve ter acontecido com você. Para a maioria já. "Ah pode acontecer de você ver coisas que não gosta no orkut do seu namorado ou de recados dele pra outra que você não goste. Isso da dor de cabeça e dá aquela sensação de chifre existir. E isso também pode acontecer com você de ter um recado seu e/ou de outro cara para você e o seu namorado cismar", comentou a estudante de pscicologia Patrícia Romancine. Ela namora faz um ano e dez meses e no início do relacionamento enfrentou probleminhas como esse. O jornalista Lucas Borges também cita o problema com recados deixados por ex-namoradas ou pessoas que já tiveram algum relacionamento com o dono do perfil. "O orkut torna público tudo que faz parte da sua privacidade. Ali tem fotos de onde tu vai e onde tu foi. Então a atual namorada entra no orkut e encontra alguma foto perdida que aparece tua ex, por exemplo. Além, claro, dos comentários nas fotos pessoais de pessoas que ja tiveram rolo contigo ou com a tua namorada atual", explica. Carine de Macêdo Brunel diz saber de muitas histórias de orkut incluindo traição. A estudante de jornalismo acredita que é complicado ter controle do que acontece nesse site. "Muitas pessoas também já deletaram o perfil. Tem que ter muita confiança no cara, e não ter ciumes para ter Orkut namorando. Depois que inventaram conversar por depoimento no orkut, o mundo nunca mais foi o mesmo".

Mas na opinião de Patrícia, com o tempo esses recados de orkut vão perdendo a importância. O namoro evolui e a segurança vem junto. Já para Prá a situação pode complicar "Quando a tal pessoa tem mania de pedir para deletar recados e pede a senha do seu orkut para 'verificar', ai pode terminar. Orkut só atrapalha se você deixar", concluiu.


Opinião de Magalices

Orkut ajuda na hora de pular a cerca? Sem dúvida. Mas isso mostra a real índole da pessoa que você está relacionado. Se houver respeito tudo fluirá maravilhosamente. Se for para trair existem tantas formas. Nem é bom pensar se não você não namora. Confiança em você e na outra pessoa, até que ela prove ao contrário, é a melhor saída. Larissa Pavei, estudante de Nutrição, também acha isso "Não o culpo (o orkut). Quando não é orkut, é msn, celular, e-mail, telepatia, quem QUER trair, traí."

Sem falar que pedir senha de Orkut, MSN, Twitter, MySpace é invasão de privacidade e um exercício desnecessário para a memória (é muita senha né). Se não confiar, saí fora porque nenhum relacionamento dá certo assim. Ciúme demais atrapalha e muito. E observe se esse controle não pode ser algo crônico e merecedor de um tratamento médico.

terça-feira, 18 de agosto de 2009

Criança é para ser criança

Estava eu aqui dando uma olhada no meu Twitter e leio: @showdavidaMaquiadora dá dicas de maquiagem para crianças. Para quem não sabe o showdavida ai é o Twitter do Fantástico. Na matéria mostra a maquiagem feita na Miss Mundo Infantil, a pequena Natália. Dizem eles que a maquiagem realça os traços da criança deixando ela parecer uma bonequinha. Quer realçar os traços da criança? Manda ela brincar na areia, na grama, na calçada de casa, no sítio do vô, na piscina do prédio. Deixa ela ser criança e se vestir como tal. Nada de saltinhos, sainha curta, top e peças que deixam a menina uma mini mulher. Deixem os pequenos serem crianças, eles vão ter muito tempo de vida adulta.

Sinceramente, por que as pessoas teimam em tirar o direito de brincar dos pequenos? Cada dia mais cedo eles tem compromissos. Além de ir ao colégio, tem o inglês, o francês, a informática, algum esporte e assim vai. Uma agenda para nenhum adulto botar defeito. Tá e ele vai ser criança em que momento do dia? Sem falar que as brincadeiras legais estão esquecidas. Computador e vídeo game são os campeões da garotada. Por favor, não acabem com a melhor fase da vida de alguém. Quando a única coisa que precisamos fazer é estudar e brincar. Tudo bem que ao chegar na vida adulta os pequeninos vão encontrar uma concorrência danada. Mas, cada coisa no seu tempo.

Pronto, desabafei. Sinceramente, essa mania de acabar com a brincadeira dos outros me irrita.

quinta-feira, 13 de agosto de 2009

Música de quinta: A seta e o alvo - Paulinho Moska

Você já deve ter notado que a música brasileira está cada vez mais cheia de divas. As mulheres estão bombando no cenário musical. Novos nomes e de qualidade surgem sempre. Vanessa da Mata e Céu são dois exemplos. Só que não podemos esquecer dos meninos, e Paulinho Moska é um deles. Carioca cantor e compositor de MPB. Depois de assistir muitos shows escondidos em uma boate no Morro do Pão de Açúcar que seu pai administrava. Aos 13 anos começou a tocar violão e resolveu sair de baixo da mesa com a intenção de estar em cima do palco assim como eles. Mas antes disso, compos muita música, fez teatro, cinema, participou de grupos e em 92 partiu para a carreira solo. Em 93 surgiu com um CD de rock "Vontade". Não gostou muito do rótulo de roqueiro e em 95 lançou o "Pensar É Fazer Música", um namoro entre pop e MPB. O terceiro disco, chamado "Contrasenso", continuou na mesma linda. Depois veio o ao vivo "Disco ao vivo é o retrato de uma grande festa que continua na nossa casa". E a aventura em busca de algo novo em seguida. Em parceria com Marcos Suzano (ritmo) e Sacha Amback (samplers e interferências) foi lançado em 99 o "Móbile". A mistura da música tradicional e o eletrônica apareceu "Eu falso da minha vida o que eu quiser". O último CD foi lançado em 2003, "Tudo novo de novo". E a música de hoje faz parte desse álbum.





Mais informações no site oficial do cantor.

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

A Garota Ideal

Com uma atuação maravilhosa de Ryan Gosling, o filme A Garota Ideal é uma linda estória. Misturando comédia e drama, o filme mostra a ilusão vivida por um homem com medo de relacionamentos. Sua saída foi inventar uma garota ideal. Bianca é uma boneca comprada através da internet. Ele criou suas características, seus defeitos e toda sua história. Essa atitude surpreendeu sua família e toda a cidade. Será que Lars está maluco? A alternativa de todos foi entrar na brincadeira para tentar resolver o problema.

Fica a dica, vale muito a pena.

Quarta do sofá: 12 sinais que o gatinho é uma fria

Gatinho novo na área, você achou ele legal e estão se conhecendo melhor. Hora de ficar atenta. Pequenos gestos mostram se ele vale a pena ou não. Melhor descobrir qual é a do gato no comecinho do relacionamento e antes que a paixão surja com força total. O site MaurenMotta.com.br listou 12 características que te ajudam a definir se o menino é gatinho problema. E hoje, esse será o post da quarta do sofá do Magalices.


1 - Ele critica todas as suas sugestões de programas, mas não sugere nada melhor - Se ele não quisesse ir com você a parte alguma já seria ruim, mas é pior, ele vai e faz cara feia.

2 - Seus amigos não gostam dele e você não gosta dos amigos dele - Amigos são nossa segunda família, logo prevemos pouco futuro nesse namoro, a menos que vocês vivam numa bolha, isolados do resto do mundo.
3 - Ele mente o tempo todo e você sempre descobre - Nem precisa explicar, né? Mentira tem perna curta e mentira mal contada, então, nem se fala. Sabemos que você merece alguém melhor do que uma versão em carne e osso do Pinóquio.

4 - Ele é mão-de-vaca - Não estamos falando de menos condição financeira. Ele tem dinheiro, mas não contribui. Dividir a conta é moderno, mas bancar o cavalheiro vez que outra não cai pedaço de ninguém.

5 - Ele é desprovido de senso estético - Longe de ser um metrossexual, um mínimo de bom senso no vestir não faz mal a ninguém. Apesar disso, ele sai com você com a roupa mais surrada, com o cabelo sujo, barba mal feita. Não estamos falando de estilo, mas sim de desleixo.

6 - Ele é quadrado demais - Só de falar em jantar num restaurante japonês ele torce o nariz, porque peixe cru é uma coisa de outro mundo. Assim como o paladar, o repertório dele é limitado para música, cinema, festas e todo o tipo de novidade que você propuser.

7 - Ele corrige você o tempo todo - Ainda que você não soubesse falar, ou não conjugasse os verbos de maneira correta, corrigir a namorada na frente dos outros é o fim da picada. Pense na sua infância, provavelmente nem o seu pai fazia isso.

8 - Ele não aceita críticas - Apesar de achar que você está sempre errada, quando você o critica, cai o mundo. Pessoas desse tipo impossilitam um diálogo, quem dirá um relacionamento.
9 - Ele desdenha de pessoas bem sucedidas - Inveja é mesmo um horror! Se ele perdesse menos tempo fazendo piada de quem tem sucesso no que faz, talvez fosse bem sucedido também.
10 - Filhinho da mamãe - Sua sogra é a reencarnação da Virgem Maria, imaculada e incapaz de qualquer ato mesquinho, mesmo quando ela está errada, ou sendo injusta, especialmente com você. Ok, não gostar da sogra é quase um clássico, mas ela tratá-lo como uma eterna criança e ele aceitar é o principal problema.

11 - Os colegas de trabalho dele não o suportam - A convivencia com ele é tão insuportável que ele vive sendo demitido e nem festa de despedida os colegas fazem.
12 - Ele fala de outras mulheres o tempo todo - Nós também sabemos apreciar a beleza feminina e reconhecer que a Angelina Jolie é linda, assim como Scarlet Johansson, mas mencionar a beleza feminina das outras mulheres o tempo todo realmente enche o saco. Seria legal se ele te elogiasse de vez em quando também, pelo menos.

Claro que o gato perfeito não existe. Esqueça o princípe, ele só aparece em contos de fadas e em situações raríssimas. Vale conhecer, ver realmente quais os defeitinhos do menino e decidir se você pode conviver com eles. Não caia naquela velha mania feminina: "Eu mudo o menino, pode deixar comigo". Ninguém muda ninguém, isso é fato comprovado. A não ser que a pessoa realmente queira mudar.

Pensamento do dia

“O desejo mede os obstáculos, a vontade vence-os.”

Herculano

terça-feira, 11 de agosto de 2009

Sair de casa é sentir saudade

Sair da casa dos pais é passar a sentir saudade. Pelo menos no meu caso é assim. Em alguns é ir para o céu e nunca mais encontrar com os pais. Mas eu não, eu realmente sinto saudades. Principalmente daquelas situações básicas do dia-a-dia. Esse final de semana aproveitei para ficar bastante com a família. E fiz bem. Você passa a dar muito valor a momentos como esse. Minha mãe sempre do mesmo jeito, meu pai sempre maluco. Minha irmã sempre menina e minha dog sempre esperta. Coisa boa demais! Sinto falta disso, quem não sentiria? Minha mãe me encomodava muito. Continua ligando umas duas vezes ao dia, afinal de contas ela fica preocupada com sua menininha "Tá bem filha? Tá muito frio ai? E tá comendo direitinho? Tem Leite Ninho (meu eterno vício)?". Meu pai sempre foi o mais divertido. Todo dia vinha com alguma piada, tomava suas cervejinhas e hoje tem o novo hábito de dar todo o tipo de comida para a cachorra. Sem falar que ele fica falando: "êee Aylinha fofinha que bonitinha". Ter pai divertido é o que há! Ser comparada com a cachorra por ele, por ela ser uma arteira, até fica engraçado nessas horas. Diz ele que a dog veio para me substituir. Vê se pode? Minha irmã sempre pensando nos estudos, no próximo concurso, falando com a cachorra e falando do namorado. Ah e ela fica sempre me cornetiando e pensando no que vamos comer. Eita gulosa.

Como não ter saudade disso tudo? Eu tenho. Mas sei que a vida caminha como deve caminhar. Sempre chega a hora de sair do ninho e de sentir saudades.

Opa, tem uma pessoa gripada perto de mim

Sexta-feira a tarde peguei um ônibus rumo à Criciúma (SC), dia dos pais é praticamente sinônimo de visitar os pais. Por engano acabei pegando um pinga-pinga que levou cinco horas para chegar. Em uma das paradas por rodoviárias eu levantei e dei uma olhada geral nos passageiros. Confesso que levei um susto: pessoas usando máscara. Reparei que algumas tossiam demais e outras apenas a usavam por medo. Sentimento que comecei a sentir. É parece que essa Gripe Suína está assustando mesmo. Para piorar o ônibus estava com as janelas fechadas. Logo pensei: vai dar o porco.

Cheguei em Criciúma às nove da noite. Na agenda festa com as amigas e talvez depois sair por aí. Bem, o tal sair por aí foi descartado. Primeiro porque não tinha algo interessante para fazer e depois porque ninguém quis sair naquele dia. Sem falar que minha mãe praticamente implorou para eu não ir a lugares fechados. Confesso que, mesmo achando exagero, eu concordei. Depois disso sai de casa o mínimo e comecei então a reparar na tal gripe. O povo está assustado e eu também comecei a ficar assim. Prefeito de Criciúma decretou estado de emergência, fontes dizem que a situação é bem pior do que está sendo divulgado e que evitar sair de casa é a melhor alternativa. Que alguns profissionais estão com o vírus, alguns inclusive em estado crítico. A preocupação é ainda maior ao analisar o futuro. A chance do vírus se tornar mais forte e fazer ainda mais estrago nos próximos anos é grande. O jeito é cuidar da saúde, alimentação correta, fugir de lugares fechados e tomar bastante vitamina C. Isso enquanto a vacina não chega. Escolas suspenderam as aulas, alguns órgãos públicos também deram uma pausa e universidades pararam. Álcool em gel não é mais encontrado nas gôndolas dos supermercados e o líquido está servindo por enquanto. Se alguém tosse do seu lado o medo já reaparece. O que sei é que grávidas, pessoas com problemas respiratórios, cardíacos, diabéticos e da faixa etária próximo aos 30 anos estão sendo as principais vítimas. Ei, faço parte desse grupo aí, já passei dos 25.

Mas afinal o que realmente devemos fazer? Acredito que se for para mudar a rotina que algo seja planejado. Não adianta um fechar aqui e outro lá continuar aberto. Que façamos igual ao México e que essa ação seja em todo o país. Ou que cada um tome consciência de ficar em casa se estiver gripado. E claro, procurar o médico quando estiver com febre alta, tosse ou dificuldade respiratória.

segunda-feira, 10 de agosto de 2009

Desabafo de uma mulher (e-mail)

Estava num clima meio ruim com o maridão e resolvi fazer uma surpresa. Comprei 250 velas de tamanhos diferentes, 10 dúzias de rosas vermelhas, espumante, queijos e frutas e decorei toda a casa.

Nosso quarto fica no segundo andar e eu fiz um caminho de velas desde a Porta de entrada até o quarto. As escadas iluminadas, tudo lindo! Chamei um casal de amigos para acender as 250 velas antes de chegarmos em casa. A cama estava coberta com pétalas de flores, arranjos maravilhosos de antúrios (flores que usamos no nosso Casamento), além do espumante no gelo e as frutas, queijos e frios completavam o clima do quarto.

Guardamos o carro na garagem e pedi para o marido ir à frente que eu já estava saindo do carro. Enquanto ele abria a porta eu tratei de tirar o vestido. Fiquei só de lingerie e cinta-liga. Imagina a cena: Quando meu maridão abriu a porta eu desci do carro. Semi-nua, claro! Quando olhei a cara do meu marido percebi que ele estava BRANCO. Virou pra mim, sem perceber meu modelito, e gritou:

- A casa tá pegando fogo!!!

Eu, calmamente, disse para ele olhar novamente. Fiz até uma cara "sexy" para dizer isso. Ele abriu a porta mais uma vez e gritou, mais branco ainda :

- PQP! E Não é incêndio! É macumba!

Moral da história? Assim nascem os cornos.

PS.: Adorei! Recebi por e-mail e fui obrigada a postar. Prestem atenção meninos!

Se eu pudesse falar com Deus

Eu acredito em Deus. Não aquele Deus que castiga, mas aquele que te dá tudo e você define o que faz com os presentes. A vida é o maior deles, claro. Como acreditar em algo que nunca vejo? Basta olhar essa natureza toda e os milagres da vida. Mas eu queria falar com ele um dia. Chegar e perguntar: Deus, quando será que as pessoas vão dar valor a vida? Ao próximo e a esse planeta? Quando vão entender que realmente amar ao próximo é a melhor saída? Quem sabe um dia eu fale isso tudo. No livro A Cabana, de William P. Young, o personagem principal da estória conseguiu. Mack Allen Phillips não fez essas perguntas, mas conseguiu resolver muitas coisas pendentes em sua vida. Após a morte da filha mais nova, assassinada brutalmente, uma tristeza enorme tomou conta de sua vida. Ele ficou com raiva de Deus. Até que um dia recebeu um bilhete convidando para que ele fosse até A Cabana, local onde sua filha foi morta. Ele organizou toda a viagem e foi para lá encontrar o papai, pessoa que havia enviado o bilhete. Ao chegar no local viveu momentos que mudaram sua vida. Conheceu Papai (Deus), Jesus e o espírito santo. O livro levanta um importante questionamento: se Deus é tão poderoso, por que não faz nada para amenizar o nosso sofrimento?

O livro escrito por William não foi feito para ser publicado e sim para ser um presente de natal para seus filhos. Segundo o escritor ele não fez sucesso com as crianças mas seus amigos pediram emprestado. Os livros foram passando de mãos e mãos e pedidos começaram a surgir. Até que ele procurou uma editora, publicou e o livro que tornou-se um sucesso.

Recomendo.

domingo, 9 de agosto de 2009

Sabe quem eu sou?

Noite de quinta-feira, Lagoa da Conceição em Florianópolis (SC). Estacionei meu carro e fui até a frente do bar que eu iria encontrar minha prima. Lá estava ela. Minutos depois chega alguém dizendo assim:

- Sabe quem eu sou? Vocês sabem né?
- Não...
- Aposto que sabem. Mas nem olhem muito para mim se não vocês vão se apaixonar. Sou um cara muito lindo, só perco para o Brad Pitt.
Euzinha respondo: Que bom então!!! Conheço o Brad Pitt, agora posso dizer que conheço os dois caras mais lindos do mundo. Ah só um momento, vou trocar meu carro de lugar estacionei muito longe. Prazer viu.

Sim, mais uma cantadinha sem graça na balada. Estou notando que as cantadinhas sem graça geralmente iniciam com "sabe quem eu sou". Aparece cada louco...

sexta-feira, 7 de agosto de 2009

Como se dar bem numa festa, praticamente um manual

Se você é daqueles que fica contando as horas para chegar 18h e poder enfim dizer: é final de semana, fique ligado nesse post. Se você também gosta do final de semana e é mais discreto essas dicas também valem. Se você quer desencalhar anote! Enfim, sexta-feira é dia de sair por aí. Aproveitar a liberdade desses dias sem chefe, sem prazos, sem compromissos. Agora se você trabalha no final de semana, bem, tente ser feliz do mesmo jeito.

Encontrei essas dicas no blog do André Valente. O moço fez um manual básico de como se dar bem numa festa. Achei muitoooo legal e vou postar aqui com os devidos créditos ao criador do manual. Vamos a ele:




















































quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Música de quinta: Jack Johnson

Na verdade a música de hoje é um trecho do documentário A Broken down Melody feito por Jack Johnson. Sim, além de ser surfista e músico, Jack estudou cinema. Ele também fez o documentário September Sessions e Thicker than water. Claro que a trilha sonora de todos ficou por sua conta. Ele iniciou na música com 14 anos e deticou-se mais ainda quando ficou sem competir em campeonatos de surf por 90 dias após sofrer um acidente. E esse mundo do surf aparece sempre em suas músicas. Basta fechar os olhos e se imaginar na beira do mar.

O cantor havaiano Jack Johnson nasceu em 18 de maio de 1975 e cresceu na Baía Norte de Oahu, Havaí. É um dos nomes mais conhecidos da surf music mundial e foi o escolhido desta quinta. Estou com saudade do verão e ver esse vídeo me faz sentir mais saudade ainda.


quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Qual seu perfil amoroso?

As pessoas adoram analisar outras pessoas. Como resultado disso criam os grupinhos de pessoas. Nesse caso, foram criados os perfis amorosos. O portal Vida Feminina publicou e eu publico o texto aqui também. Achei interessante. Essa classificação foi feita pela antropóloga Helen Fisher e virou conteúdo do livro Why him? Why her? (Por que ele? Por que ela?), ainda inédito no Brasil. Eles podem ajudar você a aumentar a intimidade e o companheirismo no relacionamento.

Os exploradores – São aqueles que adoram riscos e uma nova aventura. Muito curiosos, criativos, espontâneos e energéticos, são ávidos por novidades. Pessoas com este perfil incluem o ex-presidente americano John F. Kennedy, a princesa Diana e a atriz Angelina Jolie. No amor, buscam um companheiro de aventuras e costumam se jogar de cabeça em uma nova relação. Se cansam fácil de relações amorosas e costumam trair mais que pessoas de outros grupos. Costumam se relacionar melhor com outros exploradores. Quem namora exploradores deve estar preparado para viver no presente e ser muito flexível.

Os construtores – Mais convencionais, são calmos, gostam de estrutura, lidam bem com pessoas, costumam ter muitos amigos, são populares e têm o objetivo de construir uma família. Gostam de regras e da rotina, são confiáveis e costumam ser amigos leais. Entre os famosos com este perfil estão a Rainha Elizabeth e a atriz Jennifer Aniston. Buscam parceiros que tenham um projeto de vida similar. No amor, podem deixar de experimentar novidades apenas por não querer sair da rotina. Podem ser controladores e ciumentos. Quem namora um construtor deve aprender a respeitar horários e planos para não decepcionar o parceiro. Combinam com outros construtores.

Os diretores – Pessoas racionais, analíticas, diretas, decididas, persistentes e focadas que adoram música, matemática e engenharia. Tendem a ser ambiciosas e competitivas, e não costumam demonstrar as emoções. Porém, são as primeiras a se oferecer para ajudar o outro. Diretores famosos incluem Donald Trump, Hillary Clinton e Margaret Thatcher. Diretores gostam de ter o controle da situação e costumam ter uma tendência a mandar no parceiro. Como têm dificuldade de falar sobre sentimentos, podem parecer frios ou pouco interessados. Quem namora um diretor deve ser compreensivo e evitar críticas. Negociadores costumam ser bons parceiros, já que um traz equilíbrio ao outro.

Os negociadores – Negociadores são intuitivos, carismáticos, compreensivos, emocionalmente expressivos, gostam de conversar e têm boas habilidades sociais. Entre os negociadores famosos estão Bill Clinton, Gandhi, Carla Bruni-Sarkozy, e a personagem do seriado Sex and the City Carrie Bradshaw. Em geral, buscam sua alma gêmea ou uma pessoa que as satisfaça em vários aspectos. Têm dificuldade de serem diretos e costumam não conseguir se expressar quando pressionados. Também não gostam de competição e adoram descobrir histórias e curiosidades sobre a vida do parceiro. Combinam com diretores.

Os japas são bons mesmo heim

Não tem para ninguém, tecnologia e inovações eles comandam. Aqueles olhinhos puxados só enganam. Os japoneses conseguem fazer cada coisa. Olha o que eles andaram inventando dessa vez:

Queda d'água em um shopping no Japão:
video

sábado, 1 de agosto de 2009